quinta-feira, 17 de junho de 2010

Murphy + Meu Cartão Pôdi = Vontade de meter a cara no c*

Booom dia, povo!

Depois de um longo e tenebroso inverno, eis-me aqui de volta, para fazer vcês rirem da minha cara com as merdas que o universo insiste em jogar pra cima de mim. =)

Então, deixe-me contar essa pra vocês: Dia desses, fui almoçar com Amor. Como estávamos trabalando relativamente perto, marcamos de nos encontrar num restaurante que tem no local onde Amor trabalha. Ok.

Meio dia arrumei minhas coisas e fui pra minha parada pegar meu ônibus naquele sol miserável de meio dia. (Agora imaginem Sandy cantando: "Olha o que o amor me faz...", porque só com MUITO, MAS MUITO AMOR MESMO eu me presto a pegar ônibus, principalmente tamanho meio dia. Mas enfim...) Peguei meu ônibus, saí me coisando pra num me esfregar no povo que tava mais suado que eu e, alguns minutos depois, cheguei ao local.

Ok.

Detalhe¹: eu já estava trabalhando, mas não havia recebido dinheiro ainda, pois não havia completado o mês. Tinha recebido só o dinheiro do transporte, que tirando as coisas que eu comprei, havia sobrado R$12. Aí, quando marquei com Amor, falei "ei, só tenho R$12, tu completas pra mim o que der o almoço?", no que Amor, pessoa mais compreensiva do universo, disse que sim, sem prob. Ok.

Chegamos, nos encontramos e fomos pra fila (medonha, diga-se de passagem). Amor diz que tem uma moeda de R$1 pra me entregar (porque eu tenho um cofre só com elas)> Eu fico feliz e agradeço. Bandeja em mãos, começamos a nos servir. Amor disse que parecia que eu nunca havia comido na vida, só porque eu sou desses que num tow nem aí pra nada e vou colocando tudo o que eu acho bonito no prato, nem ligando pressas coisas de "isso num combina com aquilo". Comida é comida, vai tudo parar no mesmo local, então tow nem aí pra essas frescuras. Enfim, fui colocando as coisas: carne, peixe, camarão, frango, arroz, farofa... meu prato tava lindo de morrer! Amor, vendo aquilo, disse que pensou "Rapaz, como é que pode uma pessoa lisa fazer um prato desses?! Vou colocar pouca coisa no meu, porque o dele vai ser caro pra poxa!", e pôs só um pouquinho de coisas no prato. Eu, com meu prato já estava, só esperei que Amor terminasse de servir-se. Ok.

Caixa. Peso o meu: R$12,56. Como não ia tomar refrigerante mesmo, falei pra Amor: "Ó, tu só vais ter que completar 56 centavos no meu prato." Ok. Amor pesa seu prato, pega o refri, tal... Total da conta: R$22,63. Amor dá R$15 em dinheiro e manda passar o resto (R$7,63, pros lentinhos) no débito. Eu entrego meu cartão pra moça.

Nisso, Amor fica com frescura: "Ooooolha, cuidado que esse menino é caloteiro! Tem muito prato aí? Ele vai já ter que lavar prato!". Eu olho pra Amor com cara de desprezo e digo "Deixa de loucura que tem dinheiro na minha conta!". A moça me entrega a máquina pra eu digitar a senha. Digito, devolvo e espero.

Pííííííííííí.

Eu faço cara de "ahn?". Ela, meio assim, diz: "Senhor, não passou.". Eu olho e digo: Passa de novo, que tem dinheiro aí. Amor, pessoa boa que é e que, quando fica nervosa, começa a rir, começa "IIIhhh... vai ter que lavar praaaaaaaaaato...". A moça do caixa olha pra Amor, com um sorriso amarelo... eu fico olhando pra cara dela, já apreensivo. Ela me entrega a máquina de novo, eu digito a senha e espero.

Pííííííííííí.

- Senhor, não passou.

- Mas como?! Eu tenho esse dinheiro, gente!

- Senhor, são R$7,63. S-E-T-E-R-E-A-I-S-E-S-E-S-S-E-N-T-A-E-T-R-Ê-S-C-E-N-T-A-V-O-S. (Porque ela falou assim, soletrando, praticamente.)

- Filha, eu tenho esse dinheiro... Já ficando puto.

Eu viro pra Amor e pergunto: tu tens esse dinheiro, no que Amor responde que não, e pergunta: "Tu tens o dinheiro? Então vai bem ali no caixa eletrônico e tira!". Eu perguntei se a moça podia esperar, e ela disse que sim. Lá fui eu.

Quando eu tiro o saldo, quanto era que tinha a minha conta?

R$6,76.

Pois é. A Caixa tinha descontado umas coisas lá, que me deixaram só com R$6,76.

Volto pro caixa, e digo: "Filha, passa R$6,56". Ela me olha com aquela cara de "Ahh, éééé? Num era tu quem tiiiiiiiinha o dinheiro na conta?". Eu falo, revoltado: "Porra! Eu vou matar mamãe! Ela usou meu cartão e não me avisou!". Digito a senha, talz. Pronto, passou.

Ela vira e diz: mas ainda faltam 87 centavos...

Aí eu lembrei da minha moedinha que Amor ia me dar... Falei, aí AMor entregou pra ela. E saímos de lá.

Sentamos à mesa e simplesmente não conseguíamos almoçar, de tanto que ríamos. E amor o tempo todo me chamando de liso. Aí Amor me entrega a nota e diz: "Taí, entrega pra tua mãe e diz que ela tá me devendo!". Não achei justo fazer a pobrezinha levar a culpa daquilo, aí falei pra Amor que mamãe num tinha usado o dinheiro não, que eu só tinha dado quela desculpa pra mulher do caixa num achar que eu era liso demais. auhsuahsh. Só sei que amor quase se mija de tanto sorrir da minha cara. (dá uma olhada nesse post e descobre o porque de eu colocar a culpa na bichinha).

O que aprendemos com isso?

Amor disse que só sai pra almoçar/comprar/fazer-qualquer-coisa-que-eu-tenha-que-pagar se eu mostrar um extrato da minha conta antes. auhsauhsauhs

Enfim... era iso, pessoas.

Um ótimo começo de fim de semana pra vocês.

Xau, xau!

5 comentários:

  1. hauahuHAUAHuahau, mas eu morri com isso!
    Aloka, o amor faz coisas mesmo que ngm explica, pegar ônibus meio dia no sol quente! Oh Derrota!
    Essa de lavar pratos foi ótima, bem a cara desse teu 'Amor' mesmo! Eu morri de rir lendo esse texto!
    Porra, santo 1 real de moeda hein?
    hauahuHAUAHua, assim que vcs me convida pra comer sushi? hauahuHAUAHua, own gente!
    Beijos, adoro vcs!

    ResponderExcluir
  2. que coisa feia, tu querendo dar colote de sete reais e sessenta e tres centavos uauahuah

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  4. Oie Liso kkkkkk brinks passei para comentar que adorei seu blog e dizer que Murphy naõ sacaneia so com vc adoro o jeito que vc se refere a sua namo "Amor" e adorei seu blog ,suas piadas e enfim !Ganhou uma frequantadora assidua( falei bonito rs)

    ResponderExcluir
  5. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk até um simples almoço com esse moço se transforma num circo!!! aushuahsuahsuhausa

    ResponderExcluir